Tag Archives | CIM Ave

A Ciência vai às Escolas em Guimarães e Mondim de Basto

O Curtir Ciência promove, todos os dias, sessões experimentais em diversas escolas do Vale do Ave. São atividades adequadas aos diferentes níveis de ensino. Luz, Magnetismo, Mecânica e Forças e Equilíbrio (para alunos do 3º ano); Microscopia, Célula Animal, Célula Vegetal e Seres Unicelulares (5º ano); Minerais, Rochas, Vulcanismo e Fósseis e Paleontologia(7º ano) e Obtenção de matéria pelos seres autotróficos, Transporte e acumulação de reservas nas plantas, Transpiração nas plantas e Obtenção de energia pelos seres vivos (10º ano) são as atividades integradas neste projeto.

Neste dia, as atividades abrangem alunos dos agrupamentos de escolas Afonso Henriques, Fernando Távora e Virgínia Moura, todos do concelho de Guimarães; e do Agrupamento de Escolas de Mondim de Basto.

0 comentários

Guimarães, Fafe e Mondim de Basto: Curtir Ciência no exterior com atividades nas escolas

É uma verdadeira Escola de Ciência! É o mínimo que se pode dizer do projeto itinerante que o Centro Ciência Viva de Guimarães está a dinamizar, com coordenação da Comunidade Intermunicipal do Ave, nas escolas das região. O programa deste dia dá bem a imagem da dimensão do projeto e das exigências que o mesmo implica. Num só dia, as equipas do Curtir Ciência asseguram 16 atividades interativas em escolas dos concelhos de Guimarães, Fafe e Mondim de Basto. Estão abrangidos alunos dos agrupamentos vimaranenses de Caldas das Taipas, João de Meira, Abação e Fernando Távora; do Agrupamento de Escolas de Fafe e do Agrupamento de Escolas de Mondim de Basto.

Luz, Magnetismo, Microscopia,, Minerais, Fósseis e Paleontologia e Transpiração nas plantas são algumas das atividades integradas neste projeto.

0 comentários

Três concelhos, 10 sessões: Curtir Ciência em escolas de Guimarães, Fafe e Póvoa de Lanhoso

O Curtir Ciência promove, todos os dias, sessões experimentais em diversas escolas do Vale do Ave. Luz, Magnetismo; Microscopia, Célula Animal,; Minerais, Vulcanismo, Fósseis e Paleontologia, Obtenção de energia pelos seres vivos são algumas das sessões com conteúdos adequados aos diferentes programas curriculares (3º, 5º, 7º e 10º anos de escolaridade).

Neste dia, as atividades abrangem alunos dos agrupamentos de escolas Mário Cardoso, Gil Vicente e Santos Simões, todos do concelho de Guimarães, e dos agrupamentos de Montelongo (Fafe) e Gonçalo Sampaio (Póvoa de Lanhoso).

0 comentários

Que escolas visitam, hoje, as equipas itinerantes do Curtir Ciência?

Os Agrupamentos de Escolas de Briteiros, Virgínia Moura, ambos de Guimarães, e Gonçalo Sampaio, da Póvoa de Lanhoso, constituem o roteiro deste dia das equipas itinerantes do Curtir Ciência. As sessões, com carácter interativo, respeitam os conteúdos dos programas curriculares dos diferentes anos de escolaridade, ou seja, 3º, 5º, 7º e 10º anos. Uma coisa é certa: estas sessões há muito cativaram alunos e professores!

0 comentários

Sessões do Curtir Ciência nas escolas: um êxito junto de alunos e professores

As sessões que o Curtir Ciência está a levar às escolas do Vale do Ave têm conteúdos adequados aos diferentes níveis de ensino. De um nível de iniciação (para alunos do 3º ano) até a um nível mais exigente (caso do 10º ano de escolaridade). Todas têm, no entanto, um ponto em comum: são interativas. E por isso, mas não só, também pela qualidade dos monitores que as asseguram, estas sessões estão a suscitar elevada adesão e entusiasmo. Não só da parte dos alunos, mas igualmente do lado dos professores. Neste dia, as atividades abrangem alunos dos 3º, 5º e 7º anos de escolaridades dos agrupamentos de Abação, Afonso Henriques, e Pevidém, do concelho de Guimarães e do Agrupamento Gonçalo Sampaio, da Póvoa de Lanhoso.

0 comentários

Da Microscopia aos Fósseis sem esquecer o Magnetismo: Curtir Ciência nas escolas do Vale do Ave

Luz, Magnetismo; Microscopia, Seres Unicelulares; Minerais, Vulcanismo e Transpiração nas plantas são algumas das atividades que o Curtir Ciência está a levar a dezenas de escolas, no âmbito de um plano coordenado pela Comunidade Intermunicipal do Vale do Ave. Neste dia, as atividades abrangem alunos dos 3º, 5º e 7º anos de escolaridades dos agrupamentos Mário Cardoso, Abel Salazar, Abação, João de Meira e Virgínia Moura, todos do concelho de Guimarães e do Agrupamento Gonçalo Sampaio da Póvoa de Lanhoso.

0 comentários

Curtir Ciência nas escolas: de Moreira de Cónegos às Caldas das Taipas passando por Ronfe

O Curtir Ciência promove, todos os dias, sessões experimentais em diversas escolas do Vale do Ave. São atividades adequadas aos diferentes níveis de ensino. Luz, Magnetismo, Mecânica e Forças e Equilíbrio (para alunos do 3º ano); Microscopia, Célula Animal, Célula Vegetal e Seres Unicelulares (5º ano); Minerais, Rochas, Vulcanismo e Fósseis e Paleontologia(7º ano) e Obtenção de matéria pelos seres autotróficos, Transporte e acumulação de reservas nas plantas, Transpiração nas plantas e Obtenção de energia pelos seres vivos (10º ano) são as atividades integradas neste projeto.

Neste dia, as atividades abrangem alunos dos agrupamentos de escolas Mário Cardoso, Caldas das Taipas, Abel Salazar e Virgínia Moura, todos do concelho de Guimarães.

0 comentários

Curtir Ciência dinamiza sessões experimentais em escolas de Guimarães e Póvoa de Lanhoso

O Curtir Ciência leva, todos os dias, sessões experimentais a diversas escolas do Vale do Ave. As atividades são adequadas aos diferentes níveis de ensino. Luz, Magnetismo, Mecânica e Forças e Equilíbrio (para alunos do 3º ano); Microscopia, Célula Animal, Célula Vegetal e Seres Unicelulares (5º ano); Minerais, Rochas, Vulcanismo e Fósseis e Paleontologia(7º ano) e Obtenção de matéria pelos seres autotróficos, Transporte e acumulação de reservas nas plantas, Transpiração nas plantas e Obtenção de energia pelos seres vivos (10º ano) são as atividades integradas neste projeto.

Neste dia, as atividades abrangem alunos dos 3º, 5º e 7º anos dos agrupamentos de escolas Mário Cardoso, João de Meira, Fernando Távora e Afonso Henriques, do concelho de Guimarães; e Gonçalo Sampaio, do concelho da Póvoa de Lanhoso.

 

0 comentários
btt