“Morcegos às Claras”: uma outra forma de Curtir Ciência

Publicado por Joaquim Forte

Informação de | Tags : , , ,

Como é a vida de um morcego?

Os morcegos são cegos? Serão ratos com asas ou mesmo vampiros misteriosos?

Como conseguem estar tanto tempo de cabeça para baixo?

Será que um simples morcego pode ser um super-herói como o Batman?

A exposição “Morcegos às Claras”, que chega a Guimarães esta terça-feira, 28 de janeiro, dá resposta a estas e a muitas outras questões. Esta exposição interactiva produzida pelo Centro Ciência Viva do Alviela explora o curioso mundo dos morcegos, mostrando a sua importância, as ameaças que enfrentam e de que forma podem ser protegidos.

Existem cerca de 1200 espécies de morcegos no mundo.

Portugal tem 27 espécies que representam 40% dos mamíferos do nosso país. 11 dessas espécies estão ameaçadas e a actividade humana é a causa principal.

A exposição está dividida em quatro áreas: “Todos ao molho”, que explora a vida de um morcego, mostrando o lado mais social destes mamíferos que vivem em colónias com centenas de indivíduos. “Morcegos à séria”, uma área que permite examinar de perto os morcegos e ficar a conhecer como é um morcego a sério. Os visitantes podem mexer num morcego, sentir a sua pelagem, tamanho e peso. “Eu, morcego” é uma área que desmistifica várias questões sobre os morcegos: São cegos? São ratos com asas ou mesmo vampiros misteriosos? Este módulo divide-se em três áreas: Papa-insetos: em que o visitante se coloca na pele de um morcego e caça a próxima refeição; “Cabeça de Tomate”, que explica como é que os morcegos conseguem estar tanto tempo de cabeça para baixo; e Superstars, uma área centrada no imaginário dos super-heróis: será que um simples morcego pode ser um super-herói como o Batman? A última parte, “Assim não dá!”, centra-se na caracterização das várias espécies: Quantos morcegos existem no mundo, na Europa, em Portugal, no Minho? Quantos estão ameaçados? Esta área termina com um jogo – Salva os morcegos – que é, ao mesmo tempo, uma missão que consiste em eliminar as ameaças e salvar os morcegos.

A visita à exposição “Morcegos às Claras” é gratuita no horário de funcionamento do Curtir Ciência – Centro Ciência Viva de Guimarães: de segunda a sexta, das 10:00 às 18:00 horas; e sábados das 11:00 às 19:00 horas.

 

btt